x

Nada dura para sempre, nem mesmo as salinhas de estudo 24 horas da FEA

 

WhatsApp Image 2019-04-11 at 16.52.18.jpeg

Por Vitor Russi (Silêncio) – TXI

Tal qual namoro de colegial, a gente acaba depositando uma confiança de que tudo vai durar e tudo deve durar. Essa nossa maldita mania de achar que tudo deve ter continuidade e, de que o universo, de alguma forma, nos prometeu estabilidade e durabilidade. Quando, na verdade, nada dura para sempre, nem mesmo as salinhas de estudo 24 horas da FEA.

Sim, chegou o fim do único lugar iluminado e seguro na USP Ribeirão às 3 da manhã. Não que literalmente essas salas deixaram de existir, eu sei que muitos tem vontade de jogar uma bomba na FEA – e me incluo nisso -, mas as salas continuam lá. O que mudou, então? A principal alteração é que o lugar conhecido por acolher de braços abertos os desesperados da madrugada, agora fecha suas portas da meia-noite até às seis da manhã. Um período nem tão extenso, já que nas outras 18 horas do dia as salas se encontram funcionando, mas que faz falta. Afinal, qual outra opção de local de estudo restou no campus nesse horário?

Pois bem, daí que vem um dos motivos da alteração nos horários das salas de estudos. Por justamente ser o local mais propício para se estudar durante a madrugada, as salas se tornaram de uso comum de alunos dos mais variados cursos. Desta forma, as salas de estudos da FEA acabaram se tornando um espaço utilizado não são só pela FEA, mas pela USP Ribeirão como um todo.

Porém, quem arca com os custos de sustentar uma sala que nunca fecha? A responsável por pagar a conta é exclusivamente a Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto – a tal da FEARP -, realizando isto sem o auxílio de outras unidades, ou até mesmo da própria prefeitura do campus. Ninguém gosta de bancar a despesa sozinho, ainda mais feano – porque se tem uma coisa que feano gosta, essa coisa é o tal do dinheiro.

No entanto, apesar de o novo horário de funcionamento já ser uma realidade, ainda não é momento de colocar filtro de luto no Facebook ou dar o tchau definitivo para as salas de 24 horas, afinal, a medida ainda está sendo discutida e pode apresentar novos desenrolares nas próximas semanas. Já que, o Centro Acadêmico Flaviana Condeixa Favaretto, o CA da FEA, terá uma reunião com a diretoria da faculdade na sexta-feira, 12 de abril, para debater sobre o novo horário de funcionamento das salas de estudos. Está claro que não deveria ser obrigação da FEA sustentar sozinha uma sala de funcionamento integral que o campus inteiro usa, entretanto, o que não pode acontecer é de todo mundo ficar sem sala alguma que funcione deste modo. No mais, fica aqui estes votos de saudades e de desejo que as, assim chamadas carinhosamente, salinhas de estudo da FEA voltem a ser como eram.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s